Tive um vizinho que gritava com a namorada ao telefone, sem se importar que o prédio inteiro ouvisse: “Não sei o que fazer! Fico mal contigo e fico mal sentigo!”. Sempre achei essa situação desoladora, e nem estou falando do português do sujeito. É duro ter apenas duas alternativas (ficar ou ir embora) e ambas serem terríveis.
– Martha Medeiros

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O pedido de casamento dos meus sonhos...

Um paraíso chamado CHAPADA DOS VEADEIROS... Onde ficar?

"Se eu pudesse te dizer, aquilo que nunca te direi.Tu poderias entender, aquilo que nem eu sei". Sigmund Freud (caso Dora)